domingo, setembro 20, 2020
Violência

Chacina deixa dois mortos e três baleados no Maranhão 

278views

 

Duas pessoas foram assassinadas e outras três foram baleadas durante festa com paredão de som organizada em um sítio na cidade de Timon- (MA). O caso batizado de Chacina do Povoado Piranhas em Timon aconteceu por volta das 17h30 de sábado (01).

 

Informações apuradas pelo GSNews no local apontam que oito homens encapuzados e armados chegaram ao sítio de carro. Cinco teriam ficado do lado de fora e três entraram no lugar atirando.

“Chegaram os indivíduos em um veículo Gol, cor branca, a gente acredita que é o segundo veículo, o que ficou mais atrás e todos eles encapuzados. Tem testemunhas que dizem que eram cinco, outras que dizem oito pessoas. Ficaram inicialmente parados no terreiro. Tinha mais ou menos 40 pessoas consumindo bebida alcoólica, se divertindo com paredão de som. Inicialmente acharam que era assalto, uma pessoa tentou fugir para o carro e foi aí que os criminosos começaram a atirar. Foram atingidas quatro pessoas, duas estão em óbito aqui no local e duas foram levadas ao HUT em estado bastante grave, são as informações que nós temos. As pessoas falam que foram mais de 70 tiros, nós conseguimos ainda recolher cápsulas de pistola 380 e 40, até porque quando chegamos o local não estava mais preservado”, disse o Delegado Cláudio Mendes da Polícia Civil do Maranhão.

 

Um homem identificado como Eduardo Valadão tentou correr, mas foi atingido pelos disparos e morreu ao lado de seu carro. Uma mulher identificada como Camila Gabriela Lopes não resistiu aos ferimentos e também morreu no local baleada. Eles estavam em mesas separadas e não tinham relação um com o outro. Camila era auxiliar administrativa da Penitenciária de Timon.

Policiais da Força Tática de Timon isolaram a cena da chacina e o carro do IML já se encontra no local para fazer a remoção dos corpos.

Dos baleados, um homem foi atingido no braço, dois identificados apenas como Rodrigo e Márcio Muniz foram encaminhados ao Hospital de Urgência de Teresina (HUT) e outros dois teriam tentado fugir pelo Rio Parnaíba, que margeia o sítio conhecido como Bar da Rose.

De acordo com o Sargento Morais, do Corpo de Bombeiros de Timon, os dois que fugiram pelo rio, conseguiram atravessar a nado e saíram na região do bairro São Joaquim, Vila Apolônio, zona Norte de Teresina. Ainda não se sabe se estas duas pessoas chegaram a ser atingidas por algum disparo ou não.

Leave a Response

Portal Geovane
Geovane Silva é um jornalista brasileiro da cidade de São Luís, capital do Maranhão. A sede do Portal Geovane Silva fica no Centro da cidade de Raposa-MA; Região Metropolitana da Capital. Fundador(es): Haroildo Carim Fundação: 01 de Março de 2016 (03 anos) Circulação: Estado do Maranhão.
error: Conteúdo não autorizado para cópias!!